Cigarro: O maior inimigo do pulmão

Cigarro: O maior inimigo do pulmão Já foi comprovado de acordo com recentes estudos, que as mulheres que fumam são mais propensas a ter câncer de pulmão do que os homens. Cada ano, cerca de 1,2 milhões pessoas são diagnosticadas com câncer de pulmão em todo o mundo, e este tem alcançado maior taxa de mortalidade do que o câncer de mama e colo do útero. Este valor continuará elevado se não diminuir o número de fumantes em todo mundo.

Desde os anos 70, cada vez mais homens estão parando de fumar, e com isso houve um aumento nas estatísticas em fumantes do sexo feminino. O tabagismo já está presente entre adolescentes e geralmente as fumantes continuam a prática por toda a vida.

O câncer de pulmão é um dos carcinomas de pior prognóstico, se não diagnosticado precocemente. O cigarro é mais prejudicial para as mulheres que para os homens. Prevenir esta doença está em nossas mãos e quanto mais cedo parar de fumar melhor.

Se você quer parar de fumar aqui vai umas dicas:
Definir uma data: a primeira coisa a fazer é definir um dia para começar. Marque na sua agenda, diga aos seus amigos! Você deve se livrar de todos os cigarros, cinzeiros e qualquer outra coisa que te lembre do mau hábito. Dica extra: uma excelente escolha para a data é 31 de Maio, quando se comemora o Dia Mundial Contra o tabaco.

Escolha um bom aliado: os métodos mais populares para largar o tabagismo, incluem a pastilha de nicotina, acupuntura, atividade física para aliviar a ansiedade, ajuda religiosa (muito eficiente na maioria dos casos), alimentação equilibrada (substituir álcool, café por água, suco) e medicação.

Reduza o estresse: leia um livro, limpe sua mente.

Respire profundamente: sempre que você sentir o desejo de fumar, inspire forte (como você faz com a fumaça do cigarro) e visualize seus pulmões enchendo com o ar e lembre-se, tudo isso deve ser acompanhado de uma gigantesca força de vontade.

Investigue as taxas de sucesso de cada um e visite o seu médico, para que ele o ajude a escolher o método mais adequado para você.

Prepare-se: o cigarro está relacionado com muitas das suas atividades diárias e vai demorar um pouco para quebrar a ligação.

Não se esqueça que, além do benefício para sua saúde, você vai economizar muito dinheiro, então pare de fumar agora mesmo, viva bem, e em paz com o seu pulmão e sua saúde!

Efeitos do Tabagismo Sobre as Mulheres

Muitos anos atrás, fumar era algo que apenas os homens faziam.

Com o tempo, mais mulheres adquiriram este hábito e hoje as mulheres que fumam são cada vez mais e mais.

É realmente inofensivo o tabagismo nas mulheres? Naturalmente, tanto os homens como as mulheres sofrem os efeitos nocivos do tabaco, mas nas mulheres o risco é maior, já que é responsável pela lactação e alimentação do seu bebê, tanto dentro como fora do útero.

As mulheres sofrem as mesmas consequências que os homens no que diz respeito ao câncer, doenças cardiovasculares e respiratórias, mas como já mencionamos anteriormente algumas vezes nas mulheres os ossos são afetados e as faculdades reprodutivas. Por exemplo, de acordo com estudos recentes, a nicotina tem um efeito gravemente prejudicial sobre a quantidade de estrogênio produzido pelo corpo. Com menos estrogênio, é possível sofrer irregularidades menstruais: frequência, duração, entre outras, problemas de fertilidade já que as mulheres que fumam são menos férteis do que as que não fumam. Além disso, podem sofrer alterações durante a gravidez, pois as mulheres fumantes são mais suscetíveis a sofrer abortos espontâneos, bebês prematuros, entre outros. Para adicionar à lista, a menopausa geralmente vêm três ou quatro anos mais cedo do que no caso das mulheres que não fumam.

Além disso, o aleitamento materno é afetado já que a nicotina estará presente no leite materno e, portanto, o bebê estará absorvendo esse componente.

Outra consequência é a descalcificação dos ossos. Os estrogênios são grandes produtores de cálcio e produzir menos estrogênio, teremos menos cálcio e como resultado as probabilidades de sofrer de osteoporose são altíssimas.

É claro que o tabagismo afeta tanto homens como mulheres, no entanto, as consequências são piores para as mulheres, não apenas porque afeta o sistema esquelético, mas a mulher é responsável pela vida que carrega dentro dela. Inclusive não fumar, mas conviver com um fumante é prejudicial para o bebê que carregamos. É por esta razão que é essencial deixar este hábito o mais cedo possível e se somos adolescentes (a idade em que os jovens começam a fumar segundo uma pesquisa recente) é vital não iniciar esse hábito.

Tornar-se consciente dos riscos e dos prejuízos do tabagismo é essencial para compreender por que não se deve fumar. Comece a se informar e renuncie a este hábito.

Beleza x Cigarro
Matérias Relacionadas
Saúde da Mulher O Que eu Ganho ao Deixar de Fumar?

O número de fumantes e mortes causadas pelo uso do tabaco aumenta cada vez mais, hoje vamos falar sobre os

Saúde da Mulher Tabagismo e Anticoncepcionais: Precauções e Contra-Indicações

O tabagismo ao longo dos anos cresceu muito entre as mulheres e é um hábito que combinado com os anticoncepcionais

Intimidade Feminina Fumantes Passivos: os Filhos

O problema dos diversos tipos de vícios é quando acomete o outro. Quando os pais são fumantes, eles não estão

Saúde da Mulher Acupuntura para deixar de fumar

Fumar é um hábito muito prejudicial para a saúde e o número de fumantes cresce a cada dia. Mas para

Maternidade Por que Preciso Deixar de Fumar na Gravidez?

Os danos do tabagismo materno na saúde do bebê são evidentes. No entanto, muitas grávidas continuam fumando. Por que é

Comentário Anônimo(opcional)

Comentário com seu Facebook
Nenhum Comentario para Dicas "Cigarro: O maior inimigo do pulmão"