Educação Criativa

Educação CriativaA Educação no Brasil por mais que se discuta e sejam conhecidos tantos outros modelos, ainda é Tradicional e necessita mudar com urgência, porque pesquisas recentes internacionais (PISA) apontam a Educação Brasileira, como uma das piores do mundo. Discuti-se de forma permanente e ineficaz, quem ou quais são os responsáveis e as soluções não chegam, obrigando assim educadores e professores a usar recursos criativos, “brincantes” e estratégicos com seus alunos.

Na Educação Criativa, o professor faz uma releitura ou ainda uma recriação de uma atividade da sua disciplina, respeitando a faixa etária e diferenças individuais de forma que seja aberta e flexível, para as adequações que se fizerem necessárias e não pode haver imposição de regras, pois este seria o modelo tradicional. Tem o objetivo da “recriação” e fortalecer o papel do professor como motivador e poder despertar no aluno interesse pelas aulas. Já que este pertence a geração “aluno Internet do século XXI”, e não aceita mais aquele tipo de aula em que o professor fala durante 50 minutos, valorizando apenas o conteúdo que se torna “decoreba” apenas para ganhar notas, e sem aprender nada. Acabou o tempo do professor “sabe tudo” e do aluno “sabe nada”!

No início é um pouco difícil mudar, mas no momento em que os alunos percebem os objetivos da aula e sua atividade lúdica, acabam “mergulhando de cabeça” interagindo, participando e brincando. Como a mesma proposta pode ser dada para diferentes faixas etárias e em diversas disciplinas, a “diferença” vai estar na realização das atividades, reflexões e conclusões dos alunos. Na Educação Criativa, os professores e os alunos vivenciam as diferenças individuais e descobrem que essas diferenças significam riqueza e não pobreza ou dificuldades. O importante na Educação Criativa é que o professor ofereça propostas para que os alunos percam o medo de falar, defendam suas opiniões, escrevam, dialoguem e ouçam.

As três principais características da criatividade são: a originalidade, quer dizer que cada um é único e que pode pôr para fora e sem medo a beleza do seu interior; a flexibilidade que é a capacidade de mudar e a fluência quer dizer que podemos ter milhões de ideias, de atitudes, de sentimentos, e que podemos mudá-los a qualquer momento. Criatividade é inventar, experimentar, crescer, correr riscos, quebrar regras, cometer erros e se divertir.

Educação criativa
Matérias Relacionadas
Intimidade Feminina Educação de Valores Humanos na Escola

O sistema educativo brasileiro tem enfrentado muitos problemas e estes tem causado transtornos para as famílias dos alunos e os

Intimidade Feminina Educação Global – Aprendizagem Transformadora

Atualmente todos estamos de alguma forma conectados com a informação imediata e veloz, interagindo em mundo cada vez mais globalizado

Intimidade Feminina Educação Especial

A Educação Especial é uma subdivisão da Educação que se dedica ao atendimento e a aprendizagem de pessoas com deficiência

Saúde da Mulher Os Benefícios do Pilates

As classes de pilates estão se tornando muito populares devido aos inúmeros benefícios que esse método oferece para a nossa

Intimidade Feminina Inteligência Musical

A inteligência musical é uma das muitas inteligências que possuímos e que muitas vezes não desenvolvemos. É caracterizada pela habilidade

Comentário Anônimo(opcional)

Comentário com seu Facebook
Nenhum Comentario para Dicas "Educação Criativa"